Social Icons

sexta-feira, 16 de março de 2012

*VENCENDO A DEPRESSÃO.

"E ALI ENTROU NUMA CAVERNA E PASSOU A NOITE. E EIS QUE A PALAVRA DO SENHOR VEIO A ELE, E LHE DISSE: QUE FAZES AQUI, ELIAS? 1*Reis.19:9
-Elias foi um profeta de Deus, que como nós, passou por muitas vitórias, mas também, passou por muitas dificuldades!
Obediente a Deus,com uma autoridade tal que,repreendia reis,quando esses se desviavam da palavra de Deus e cometiam maldades.Certa ocasião Elias desafiou e venceu,no Monte Carmelo,450 profetas de baal(deus pagão)que serviam á cruel rainha Jezabel,esposa de Acabe, rei de Israel.A rainha furiosa,enviou mensagem a Elias,anunciando que iria matá-lo.Elias ao saber que estava sendo perseguido,com medo e temendo por sua vida, fugiu correndo.
Tal situação de ameaça de morte,Elias entrou em profunda depressão, e ele desejou morrer.Depressão é um mal terrível que nos ataca, paralisa,entristece e provoca enorme desânimo,cansaço,insônia,perda de apetite,etc...
Com depressão,a pessoa não tem vontade para nada,desânimo total.
Diversas situações levam uma pessoa á depressão:perda de um ente querido,desemprego,doença,problemas conjugal,problemas com filhos, ou até uma mudança na vida para a qual não estava preparado,etc.....
Como tratar a depressão? Deixe Deus tratar você,como fez com Elias.
O que Deus fez:quando Elias fugiu,foi para o deserto,e cansado e faminto,
encontrou um zimbro(planta)deitou-se debaixo dele e dormiu?Deus enviou um anjo com alimento e água.O anjo acordou o profeta e,dando-lhe: água e alimento,disse:
"Levanta-te e come,porque muito comprido será o teu caminho."
Elias comeu e bebeu e desanimado ainda,voltou a dormir,mais uma vez o anjo o despertou,então,seguiu viagem,porém,estava tão animado que quando achou a caverna,escondeu-se nela,esperando a morte chegar.
Eu confesso que já me escondi na caverna muitas vezes,teve dias que a tristeza era tanta,que nem o telefone eu atendia,como moro em um sobrado,
olhava pela janela quem estava batendo na porta e é claro não descia para abri-la,assim a pessoa cansava e ia embora.Agi assim por muito tempo.
Graças a Deus essa fase da minha vida já passou,vamos continuar a analisar a vida de Elias.
1-Deus enviou alimento e água para Elias.
É a demostração do cuidado de Deus com a vida dos seus.Neste momento Deus foi ao encontro de Elias e perguntou:"Que fazes aqui?Pois Deus sabe que a pessoa que está com depressão se esconde,se refugia,se tranca em algum lugar,isolando-se das pessoas próximas e do mundo.
2-Deus foi ao encontro de Elias para tirá-lo daquela situação.Como Ele agiu?
Deus ordenou que Elias saísse para fora da caverna.Em seguida,Deus mostrou seu poder:primeiro um vento forte que fendia os montes,depois um terremoto,depois,grandes labaredas de fogo.Mas o Senhor Deus não estava no meio dessas voz branda,porém firme,falou com ele:
Elias,saiu da caverna e começou a dar explicações a Deus dizendo que estava sozinho e que não haveria mais profeta de Deus em Israel!
Então,o Senhor ordenou-lhe que retornasse a seu trabalho e anunciou que
ainda havia sim,sete mil outros fiéis que também serviam a Deus.
Elias,então fortalecido por Deus, partiu dali, e retomou suas funções.
Queridos,Deus lida com a depressão da seguinte maneira:
1*Alimenta e fortalece-o fato de você estar vivo e lendo esta mensagem já é uma prova do cuidado de Deus.
2*Vai ao nosso encontro-Deus trata pessoalmente de cada um de nós.
3*Chama-nos para fora-Ele quer que nós saia do marasmo da escuridão.
4*Mostra o poder que Ele tem-Ele tem poder de realizar mudanças.
5*Ouve as nossas queixas e nos mostra a realidade como ela é.
Quando estamos deprimidos,achamos que estamos sozinhos,nossas dificuldades são maiores,não há ninguém sofrendo mais que nós,etc...
Deus nos mostra que existem pessoas enfrentando dificuldades bem piores do que as nossas e nem por isso se entregaram.Deus nos chama á realidade quando diz:No mundo tereis aflições......Mas tendes bom ânimo.....
Eu venci o mundo.João.16-33.E lembre-se:Muitas são as aflições do justo,mas o Senhor o livra de todas.Salmos.34-19

Editora:Gilda M..

0 comentários:

Postar um comentário